Páginas

Sabores

Não sei descrever os diversos sabores
que existem na natureza das frutas
Sei senti-los de diversas memórias...
As mais marcantes são aquelas da infância

Colhidas nos quintais, com as mãos trêmulas
sem querer amassar a manga Bourbon, pepitola...
Quando chupo manga, lembro-me, por exemplo,
do dia em que quebrei o braço esquerdo

O fato se deu numa partida de futebol
no pátio do Colégio dos Padres, domingo,
ao dividir com Remo que entrou de sola

A manga me faz isso: lembrar que caí
da mangueira e não acontecer nada de nada
e dum jogo, pós missa, me levar pra Santa Casa.

2003

Postar um comentário